Atum

O ser humano se alimenta de peixe há cerca de 380.000 anos. É o que os registros arqueológicos de fósseis indicam. O atum, peixe muito saudável e de sabor agradável bastante popular, possivelmente era um dos alimentos dos nossos ancestrais, sendo uma das fontes de proteína que eles necessitavam para terem sua sobrevivência garantida.

Oriundo de diversas regiões do mundo, o atum é uma espécie migrante que vive desde o Mediterrâneo ao Atlântico e ao Pacífico, passando desde o Mar Negro até o Oceano Índico. A versão do peixe conservado em óleo pode parecer algo recente, mas na Grécia Antiga o peixe já era conservado em azeite de oliva ou em salmoura.

Tempos depois, o consumo do atum em sua forma fresca era o preferido pelos romanos, que faziam questão que o peixe viesse de Bizâncio, onde hoje é Istambul. Outro requisito para o povo romano é que a pesca de atum respeitasse determinadas épocas do ano, pois talvez isso afetasse a qualidade do alimento.

A tradição de se preparar atum em conserva em quantidades massivas, talvez a forma mais popular de consumo que nós temos desse tipo de peixe, teve seu início na região do sul da Sicília. Os habitantes da região, naquela época, não tinham a disponibilidade de consumir atum sempre que quisessem, pois o peixe só aparecia no litoral daquela região em determinados períodos do ano. Esse foi o motivo pelo qual os sicilianos, a partir do século V, iniciaram a cultura de se cortar o atum em pequenos pedaços, salgando-os para que durassem muito mais tempo.

Graças ao método de conservação o atum pode ser levado às demais regiões do planeta com o passar do tempo. No século XIX o atum ganhou uma grande popularização, pois o desenvolvimento de técnicas visando a conservação dos alimentos permitiu que o atum durasse mais tempo, permitindo que mais pessoas tivessem acesso ao peixe, tanto na Europa como na América.

Se no Ocidente o atum é mais consumido na forma de conserva, no Japão é diferente. Os japoneses consomem o atum cru há muitos séculos, motivo pelo qual a maior parte de atum pescado tem como destino o Japão, enquanto a pesca destinada para a indústria de conservas tem outras regiões como destino comercial. As diferentes espécies de atum podem atingir preços exorbitantes no Japão, tamanha é a sua importância lá. O atum-azul, uma espécie rara, pode chegar a custar 40 mil dólares nos famosos leilões que acontecem no mercado de peixes da cidade de Tóquio, por exemplo.

Devido ao seu amplo consumo e popularização, entretanto, o atum passou a ser pescado de forma predatória, fato que tem ameaçado a sobrevivência das diversas espécies do peixe. Só nas últimas 3 décadas, o mundo viu o seu estoque de atum vermelho diminuir em 90%.

Benefícios do Atum Para a Saúde

O atum é um peixe rico em ferro, proteína, sódio, fósforo, niacina, selênio, vitamina B6, vitamina B12 ômega 3, um ácido graxo essencial. Tudo isso faz do atum uma excelente fonte de proteínas completas e de substâncias saudáveis para nós.

Por falar em ômega 3, o atum é um dos peixes mais ricos quando nos referimos à essa gordura essencial. O ômega 3 é fundamental para as diversas funções do organismo, e o nosso corpo não é capaz de produzi-lo. Por isso ele é chamado de ácido graxo essencial, ou gordura essencial. Dentre os seus benefícios, destaca-se o fato dele contribuir para a proteção da saúde do coração. Uma dieta rica em ômega 3 garante ao indivíduo a diminuição de doenças cardiovasculares virem a se desenvolver.

O consumo de alimentos que são fonte de ômega 3 é uma ótima maneira de se substituir parte das gorduras saturadas que geralmente a gente consome, e isso tem um impacto fundamental para a saúde, já que uma dieta pobre em gorduras saturadas diminui os níveis de colesterol e triglicérides no nosso sangue. Além disso, o ômega 3 contribui ainda para a saúde das artérias, além de promover um efeito anti-inflamatório no organismo.

O ferro, outra substância também amplamente presente no atum, é fundamental para que o oxigênio seja transportado e para que os glóbulos vermelhos no sangue sejam formados, contribuindo assim para a prevenção de anemias. O ferro de origem animal tem uma absorção mais fácil por parte do organismo, um fator que dá certa vantagem ao consumo de carnes e peixes, em detrimento às fontes vegetais de ferro.

O magnésio e o fósforo, por sua vez, são minerais que contribuem para a saúde dos dentes e ossos, além de auxiliar o funcionamento do sistema imunológico. O atum também é rico em selênio, que desempenha uma ação antioxidante e nos previne de doenças crônicas.

As vitaminas B3, B6 e B12, presentes no atum, contribuem de maneira significativa para a nossa saúde. A vitamina B3, por exemplo, auxilia no crescimento e desenvolvimento. Já a vitamina B6 contribui positivamente para o sistema imunológico. A vitamina B12, por sua vez, é fundamental para a saúde das nossas células nervosas e sistema neurológico, além de contribuir para a fabricação de células do tecido ósseo e glóbulos vermelhos.

Variedades de Atum

Atum gordo – o atum gordo, também chamado de toro, é uma variedade que abrange diversas espécies de atum que apresentam uma gordura especial, fator que faz delas as mais valorizadas no mercado e, portanto, também as mais caras. O raro atum-azul, tão apreciado no Japão, é uma das espécies que fazem parte dessa variedade.

Albacora – é o atum de cor avermelhada e usado no preparo de grelhados e sushis.

Atum amarelo – presente em toda a costa brasileira, o atum amarelo possui grandes barbatanas, podendo atingir 190 cm de comprimento.

Como Escolher o Atum

O atum fresco saudável para o consumo deve apresentar uma superfície limpa e brilhante, e sua carne deve ser firme. Pressione o dedo e observe se a superfície do peixe não fica marcada. O odor do atum também deve ser fresco, lembrando o cheiro de algas ou de maresia. O atum que apresenta um cheiro muito forte já está em processo de deterioramento e, portanto, não deve ser consumido. Em sua versão em postas, o atum também deve ter carne firme e apresentar uma cor brilhante. Já na versão popular em lata, o peixe deve estar dentro da validade, e sua lata não deve estar amassada e nem estufada.

Tabela Nutricional do Atum

tabela_nutricional_atum

Tabela Nutricional do Atum
5 (100%) 1 voto